Inscreva-se já

Inscreva-se já

Inscreva-se já no nosso ginásio

Recuperação de Lesões

08.09.2019


RECUPERAÇÃO DE LESÕES

 

Lesionou-se ou está em processo de reabilitação de uma lesão? As lesões acontecem por variadas razões. Mas o mais importante é saber como ajudar o corpo a recuperar.

A nutrição pode ajudá-lo. Algumas estratégias nutricionais podem melhorar o processo de cicatrização e acelerar a recuperação.

 

As lesões implicam um processo de recuperação que se divide em 3 etapas: 

1ª etapa - inflamação: dor, edema, cor avermelhada, calor. Atração de sangue, células do sistema imunológico e substâncias químicas produzida pelo organismo para a área lesionada.

2ª etapa - proliferação: os tecidos danificados são removidos. Novo fornecimento de sangue à área lesionada e é construído tecido temporário.

3ª etapa - remodelação: tecido mais forte e permanente substitui o tecido temporário.

A nutrição pode ajudar em todas estas fases de recuperação da lesão.

 

Nutrição na etapa da inflamação

A inflamação é uma etapa crítica, pois é ela que desencadeia o processe de reparação dos tecidos. Contudo, se for exacerbada pode causar danos adicionais. Com estas estratégias conseguimos adequar a inflamação causada:

-    ingerir mais alimentos ricos em ácidos gordos anti-inflamatórios, como por exemplo:

-    azeite virgem extra;

-    abacate;

-    óleos de peixe;

-    óleo de linhaça ou farinha de linhaça;

-    peixes gordos, nomeadamente salmão, sardinhas, cavala;

-    frutos oleaginosos e sementes.

-    ingerir menos alimentos ricos em substâncias pró-inflamatórias, como por exemplo:

-    alimentos processados com elevado teor de gordura saturada (molhos, charcutaria, batatas fritas, fast food, aperitivos);

-    alimentos com gorduras trans(fast food, bolachas, chocolates, margarinas);

-    óleos vegetais, nomeadamente óleo de milho, girassol, soja e cártamo;

-    incluir ervas e especiarias que ajudam no controlo da inflamação:

-    curumina a partir do açafrão e caril em pó;

-    alho;

-    bromelina a partir do ananás;

-    cacau, chá e bagas.

 

Nutrição das etapas de proliferação e remodelação

Nestas etapas a ingestão energética, ou seja, a quantidade de calorias, é a principal prioridade. Nestas etapas o metabolismo pode aumentar entre 15 a 50%. Isto significa que precisa de menos energia que a necessária quando treina intensa e regularmente, mas mais energia aquando um período sedentário.

Nestas etapas, em cada refeição deve:

-    ingerir a quantidade adequada de proteína:

-    carnes pouco processadas, leguminosas, ovos, suplementos de proteína;

-    incluir gorduras alimentares de forma equilibrada:

-    1/3 da gordura total ingerida deve ser saturada (carne, lácteos, ovos), 1/3 monoinsaturada (frutos oleaginosos e abacate) e 1/3 polinsaturada (sementes e óleos de peixe).

-    ingerir o arco-íris:

-    incluir uma grande variedade de frutas e legumes;

-    ingerir hidratos de carbono suficientes:

-    são necessários menos hidratos de carbono do que quando se treina regularmente, contudo é um nutriente fundamental para a recuperação;

-    hidratos de carbono pouco processados como flocos de aveia, arroz integral, pães integrais e quinoa.

© 2019   Todos os direitos reservados   Politica de Privacidade Seara.com